عن عمر بن الخطاب -رضي الله عنه- قال: سمعت النبي -صلى الله عليه وسلم- يقول: «لا تُطْروني كما أَطْرت النصارى ابنَ مريم؛ إنما أنا عبده، فقولوا: عبد الله ورسوله».
[صحيح.] - [رواه البخاري.]
المزيــد ...

Umar ibn Al-khattáb - Que Allah esteja satisfeito com ele - relata que ouviu o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - a dizer: << Não me venerem do modo como os cristãos veneraram a Jesus, filho Maria; eu sou apenas um servo de Allah, portanto digam: servo e mensageiro de Allah.>>
Autêntico - Relatado por Bukhari

Explanação

Pelo empenho na unicidade de Allah e medo que a idolatria se espalhe sobre a sua nação como ocorreu nos povos passados, o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - advertiu sobre o exagero (na veneração), ultrapassar os limites na sua veneração como por exemplo descreve-lo com descrições de Allah - o Altíssimo - e suas ações específicas a Ele, assim como os cristãos exageraram acerca do Messias alegando que é uma divindade e filho de Deus - o Altíssimo -, assim cairam na idolatria, conforme o Altíssimo diz: {São blasfemos aqueles que dizem: Deus é o Messias, filho de Maria, ainda quando o mesmo Messias disse: Ó israelitas, adorai a Deus, Que é meu Senhor e vosso. Quem atribuir parceiros a Deus, ser-lhe-á vedada a entrada no Paraíso e sua morada será o fogo infernal! Os iníquos jamais terão socorredores.} (Alcorão 5:72). Em seguida, o profeta disse: <<Eu sou apenas Seu servo, digam servo e mensageiro de Allah.>> Isto é: Descrevam-me pela servidão e mensagem, como Allah - o Altíssimo - me descreveu, e não ultrapassem os limites de servo para a categoria de divindade ou Senhor como fizeram os cristãos, pois o direito dos profetas é a servidão e mensagem. Quanto a divindade é um direito unicamente de Allah, e mesmo com esta advertência algumas pessoas cairam nesse exagero (na veneração) que o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - advertiu sobre ele, então tenha cuidado de ser dentre elas.

Tradução: Inglês Francês Espanhola Turco Urdu Indonésia Bosnia Russa Bangali Chinesa Persa Tagalo indiano Curdo
Ver as traduções
1: Advertência sobre o exagero extremo na veneração, o fato de ultrapassar o limite e o venerar pelo que é falso; porque isso pode levar à idolatria, e colocar o servo na posição de Senhor, e descreve-lo com Seus atributos.
2: A descrença dos cristãos foi devido ao seu exagero ao Messias e aos santos e santas depois dele, e o dito deles acerca de Jesus ser filho de Deus, e isso levou-lhes a distorcer os livros sagrados, para que tenham evidências acerca da falsa alegação deles.