عن عَبْدُ الله بن عمر -رضي الله عنهما- «أَنَّ امْرَأَةً وُجِدَتْ فِي بَعْضِ مَغَازِي النَّبِيِّ -صلى الله عليه وسلم- مَقْتُولَةً، فَأَنْكَرَ النَّبِيُّ -صلى الله عليه وسلم- قَتْلَ النِّسَاءِ، وَالصِّبْيَانِ».
[صحيح.] - [متفق عليه.]
المزيــد ...

Segundo Abdullah ibn Umar - Que Allah esteja satisfeito com ele - relatou: << Em algumas batalhas do profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - foi encontrada uma mulher morta, então o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - reprovou o acto de matar mulheres e crianças >>.
Autêntico - Acordado

Explanação

O facto do profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - reprovar a matança de mulheres e crianças mostra a proibição de matá-los; e o seu dito em alguns hadices que constam com este significado: "Esta (mulher) não era para ser combatida." Uma alerta sobre a proibição de matar as mulheres; porque a maioria delas não são combatentes, apesar de algumas delas terem maldade e coragem, mas a regra aplica-se segundo a maioria, e aquela que combater pode ser combatida.

Tradução: Inglês Francês Espanhola Turco Urdu Indonésia Bosnia Russa Bangali Chinesa Persa Tagalo indiano Uigur Curdo Hauçá
Ver as traduções