عن عبد الله بن عمر -رضي الله عنهما- قال: سمعت رسول الله -صلى الله عليه وسلم- يقول: «مَن اقْتَنَى كَلْبًا -إلا كلبَ صَيْدٍ، أو مَاشِيَةٍ- فإنه يَنْقُصُ من أَجْرِهِ كل يوم قِيرَاطَانِ». قال سالم: وكان أبو هريرة يقول: «أو كلبَ حَرْثٍ»، وكان صَاحِبَ حَرْثٍ.
[صحيح.] - [متفق عليه.]
المزيــد ...

consta de Abdullai bin Omar, que Deus esteja satisfeito com ele, que disse: ouvi do Mensageiro, saudações e bênçãos de Deus estejam com ele, que disse: "a pessoa que criar um cão, a não ser para a caça ou para aguarnecer a sua plantação ou o seu gado, irá perder diariamente dois qirats da sua recompensa" Salim diz: Abu Hurairah dizia: "ou cão de guarda da plantação" e ele foi um homem proprietário de plantação
Autêntico - Acordado

Explanação

O cão é um dos animais mais desprezíveis e impuros, que por essa razão o sharia puro proibiu a sua domesticação, por haver nisso incomensuráveis prejuizos, como de não puder haver a presença dos anjos honoráveis e virtuosos dentro da casa de quem o domestica, como também há a criação do terror nas pessoas, a imundice e tolice pela sua domesticação.portanto quem domestica o cão,diminui da sua recompensa diariamente algo significante, equiparado a dois quirates, Deus sabe melhor sobre a equivalencia disso, isto por ele ter desobedecido a Deus com esta pratica de domesticação e sua insistencia nela. Não obstante se houver uma necessidade premente para tal, poderá ser domesticado em três situações: primeira:guarda dos animais, dos quais receia-se serem atacados pelo loubo ou haver seu roubo por parte de ladrões, segundo: servir de guarda da plantação e/ou horta. terceiro: serventia na caça. portanto para estes fins permite-se a sua domesticação e descarta-se a existencia da culpa sobre o seu dono

Tradução: Inglês Francês Espanhola Turco Urdu Indonésia Bosnia Bangali Chinesa Persa Tagalo indiano Uigur Hauçá
Ver as traduções