+ -

عن أبي هريرة رضي الله عنه مرفوعاً: «يقول اللهُ: إذا أراد عبدي أنْ يعملَ سيئةً، فلا تكتبوها عليه حتى يعملَها، فإنْ عَمِلها فاكتبوها بمثلِها، وإنْ تركها مِن أجلي فاكتبوها له حسنةً، وإذا أراد أنْ يعملَ حسنةً فلم يعملها فاكتبوها له حسنةً، فإنْ عملها فاكتبوها له بعشر أمثالها إلى سبعِ مائة ضِعْفٍ».
[صحيح] - [متفق عليه]
المزيــد ...

Abu Hurayrah (que Allah esteja satisfeito com ele) relatou que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: “Allah diz: 'Se Meu servo pretende cometer uma má ação, não escreva até que ele o faça . Se ele fizer isso, escreva como está. Se ele não fizer isso por minha causa, escreva como uma boa ação para ele. Se ele pretende fazer uma boa ação, mas não o faz, então escreva como uma boa ação para ele (em recompensa). Se ele fizer isso, então escreva para ele dez vezes até setecentas vezes (em recompensa). '
Autêntico - Acordado

Explanação

Este é Allah, o Todo-Poderoso, dirigindo-se aos Seus anjos, que estão encarregados de manter registos das ações humanas. Este discurso indica generosidade divina e perdão para com os humanos. Por exemplo, Allah diz: "c2">“Se Meu escravo pretende cometer uma má ação, não escreva até que ele o faça.” A ação pode ser uma ação do coração, pois normalmente é uma ação dos órgãos. Isso é indicado em relatórios que mostram que as ações do coração são contabilizadas. Alguém poderia ser recompensado ou punido por eles. A este respeito, Allah diz: {Quem tem a intenção [uma ação] de desvio [na religião] ou transgressão - Faremos com que ele experimente uma punição dolorosa} [Sūrat al-Hajj: 25]. Em um autêntico Hadīth, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: "Se dois muçulmanos se encontrarem com suas espadas, o assassino e o morto estarão ambos no Inferno." Os Companheiros disseram: "Este é (entendido a respeito) do assassino. E quanto ao morto?" Ele respondeu: "Ele também estava ansioso para matar seu irmão." Esses textos especificam a indicação geral de "Se ele pretende cometer uma má ação, não escreva até que ele o faça." Este entendimento não contradiz a maldade não sendo escrita contra aquele que o comete, porque a intenção do coração é um ato. A escrita dos anjos de uma ação má "como ela é" significa como um pecado. Allah diz: {Quem vier [no Dia do Juízo] com uma boa ação terá dez vezes igual [para seu crédito], e quem vier com uma má ação não será recompensado, exceto se semelhante; e eles não serão prejudicados} [Sūrat al-An'ām: 160]. Ele também diz: {E quem quer que pratique atos justos, seja homem ou mulher, sendo um crente - esses entrarão no Paraíso e não serão injustiçados, [mesmo quanto] a mancha em uma semente de tâmara} [Sūrat An-Nisā ' : 124]. Não praticar uma má ação por temer a Allah rende uma recompensa. Não fazê-lo por incapacidade, medo das pessoas ou por qualquer outro motivo não traz recompensa, mas pode trazer um delito em sua conta. Pretender praticar uma boa ação, mas não realizá-la, traz uma recompensa. Isso é generosidade de Allah, o Todo-Poderoso. A mera intenção de praticar uma boa ação traz uma recompensa; fazê-lo traz de dez a setecentas recompensas. Neste Hadīth, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) atribuiu a palavra a Allah, o Todo-Poderoso. A declaração de Allah é uma legislação que envolve promessas e méritos divinos. É diferente do Alcorão. Não é criado; a fala de Allah é diferente da criação de Allah.

Tradução: Inglês Urdu Espanhola Indonésia Bangali Francês Turco Russa Bosnia Cingalês indiano Chinesa Persa Vietnamita Tagalo Curdo Hauçá
Ver as traduções