+ -

عن حُصين بن عبد الرحمن قال: كنتُ عند سعيد بن جُبير فقال: أيكم رأى الكوكب الذي انقَضَّ البارحة؟ فقلتُ: أنا، ثم قلتُ: أما إني لم أكن في صلاة، ولكني لُدغْتُ، قال: فما صنعتَ؟ قلت: ارتقيتُ، قال: فما حَمَلك على ذلك؟ قلت: حديث حدَّثَناه الشعبي، قال: وما حدَّثَكم؟ قلتُ حدثنا عن بريدة بن الحُصيب أنه قال: "لا رُقْية إلا مِن عَيْن أو حُمَة"، قال: قد أحسَن مَن انتهى إلى ما سمع، ولكن حدثنا ابن عباس عن النبي صلى الله عليه وسلم أنه قال: "عُرضت عليّ الأُمم، فرأيتُ النبي ومعه الرَّهط والنبي ومعه الرجل والرجلان، والنبي وليس معه أحد، إذ رُفع لي سواد عظيم فظننتُ أنهم أمَّتي، فقيل لي: هذا موسى وقومه، فنظرتُ فإذا سواد عظيم، فقيل لي: هذه أمَّتك، ومعهم سبعون ألفا يدخلون الجنة بغير حساب ولا عذاب، ثم نهض فدخل منْزله، فخاض الناس في أولئك؛ فقال بعضهم: فلعلهم الذين صحِبوا رسول الله صلى الله عليه وسلم وقال بعضهم: فلعلهم الذين وُلِدُوا في الإسلام فلم يشركوا بالله شيئا، وذكروا أشياء، فخرج عليهم رسول الله صلى الله عليه وسلم فأخبروه، فقال: هم الذين لا يَسْتَرقون، ولا يَكْتَوُون، ولا يَتَطَيَّرون، وعلى ربهم يتوكلون، فقام عُكاشة بن مِحصَن فقال: ادع الله أن يجعلني منهم، قال: أنت منهم، ثم قام جل آخر فقال: ادع الله أن يجعلني منهم، فقال: سَبَقَك بها عكاشة".
[صحيح] - [متفق عليه]
المزيــد ...

Husayn ibn 'Abdur-Rahmān relatou: Eu estava com Sa'īd ibn Jubayr quando ele disse: "Quem dentre vocês viu uma estrela cadente ontem à noite?" Eu disse: "Eu." Então eu disse: "Na verdade, eu não estava (ocupado) rezando, mas fui picado por um escorpião (e essa é a razão pela qual eu estava acordado e tive um vislumbre da estrela cadente)." Ele disse: "Então o que você fez?" Eu disse: "Eu executei Ruqyah (cura através da recitação e súplica do Alcorão)." Ele disse: "O que o impulsionou a fazer isso?" Eu disse: "Eu fiz isso em conformidade com um Hadīth que Ash-Sha'bi narrou para nós." Sa'īd disse: "O que Ash-Sha'bi narrou para você?" Eu disse: "Ele narrou que Buraydah ibn al-Husayb al-Aslami disse: 'Ruqyah não serve para nada, exceto no caso da (influência maligna) de um olho ou do ferrão de um escorpião.'" Ele disse: "Aquele que agiu de acordo com o que ouviu (do Profeta) agiu corretamente, mas Ibn 'Abbās narrou para nós do Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) que ele disse:' As nações foram apresentadas a mim, e Eu vi um profeta e um pequeno grupo (de seus seguidores) junto com ele, outro (profeta) e uma ou duas pessoas (junto com ele), e (ainda outro) profeta não tendo ninguém com ele. Quando de repende um grupo muito grande surgiu, pensei que fosse minha Ummah (nação). Então me disseram: 'É Moisés e sua nação. Você deve olhar para o horizonte', e eu vi um grupo muito grande. Foi novamente dito para mim: 'Veja o outro lado do horizonte', e havia (também) um grupo muito grande. Foi-me dito: 'Esta é a sua Ummah', e entre eles havia setenta mil pessoas que entrarão no Paraíso sem ser chamado a prestar contas e sem (sofrer) qualquer tormento. 'Ele então se levantou e foi para sua casa. Então as pessoas começaram a falar sobre as pessoas que seriam admitidas no Paraíso sem julgamento e sem (sofrer) qualquer tormento. Alguns deles disseram: 'Eles podem ser aqueles que (tiveram a sorte de viver) na companhia do Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele).' E alguns deles disseram: 'Talvez eles sejam aqueles que nasceram no Islam e nunca associaram nada a ALLAH. ”Algumas pessoas mencionaram outras coisas. Em seguida, o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) veio diante deles e disse: 'Do que vocês estavam falando?' Eles o informaram disso. Ele disse: 'São aquelas pessoas que não pedem a outros que façam Ruqyah por elas, nem cauterizam, e confiam em seu Senhor.' Sobre isso ', Ukkāshah ibn Mihsan se levantou e disse:' Suplique a ALLAH por mim para que Ele faça de mim um dentre eles. 'Sobre isso, ele disse:' Você é um entre eles. 'Então outro homem se levantou e disse:' Suplique a ALLLAH para que Ele me faça um dentre eles. 'Sobre isso, o Profeta (pode Que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: 'Ukkāshah te precedeu.' "
Autêntico - Acordado

Explanação

Husayn ibn 'Abdur-Rahmān (que Allah tenha misericórdia dele) nos informa sobre sua conversa com Sa'īd ibn Jubayr (que Allah tenha misericórdia dele) a respeito de Ruqyah. Husayn foi picado por um escorpião e realizou a Ruqyah aprovada pela Shariah. Depois que Sa'īd perguntou a ele sobre sua prova para tal prática, ele relatou o Hadīth que ouviu de Ash-Sha'bi, que indica a permissibilidade de Ruqyah [para resistir] à influência maligna do mau olhado e do veneno. Sa'īd, em troca, o elogiou por isso, mas ele narrou a ele um Hadīth que recomenda deixá-lo. É o Hadīth narrado por Ibn ‘Abbās que inclui as quatro características daqueles que entrarão no Paraíso sem conta ou tormento. Eles não pedem a outros que façam Ruqyah para eles, não cauterizam, evitam acreditar em maus presságios e confiam sinceramente em Allah, o Exaltado. 'Ukkāshah imediatamente pediu ao Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) que suplicasse a Allah para incluí-lo entre eles. Outro homem se levantou, perguntando a mesma coisa, mas o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) gentilmente disse-lhe que não era possível fazer novos pedidos.

Tradução: Inglês Urdu Espanhola Indonésia Francês Turco Russa Bosnia Cingalês indiano Chinesa Persa Curdo Hauçá Suaíli
Ver as traduções