عن عبد الله بن عباسٍ -رضي الله عنهما- قال: بلغَ عمرَ -رضي الله عنه- أن فلانًا باعَ خمرًا. فقال: قاتلَ الله فلانًا! ألم يعلم أن رسولَ الله -صلى الله عليه وسلم- قال: "قاتلَ الله اليهودَ، حُرِّمت عليهم الشُّحومُ، فجَمَلُوها، فباعُوها".
[صحيح.] - [متفق عليه.]
المزيــد ...

Segundo Abdullah ibn Abbas - Que Allah esteja satisfeito com ele - contou: Chegou uma notícia a Umar - Que Allah esteja satisfeito com ele - de que um homem vendeu álcool. Ele disse: Que Allah amaldiçoe fulano! Será que não sabe que o mensageiro de Allah - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - disse: "Que Allah amaldiçoe os judeus, foram proibidos a consumir a gordura, então eles dissolveram e venderam".
Autêntico - Acordado

Explanação

Chegou a notícia a Umar - Que Allah esteja satisfeito com ele - de quem um homem quis fraudar para se beneficiar do álcool sem beber mas vendendo. E esta fraude descoberta é proíbida, por isso o Umar - Que Allah esteja satisfeito com ele - suplicou contra ele como suplicou o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - contra os judeus fraudadores; dizendo: Que Allah o amaldiçoe, será que ele não sabe que a fraude é ilícita? Porque é uma enganação a Allah e a Seu mensageiro, pois o profeta - Que a paz e bençãos de Allah estejam sobre ele - disse: "Que Allah amaldiçoe os judeus, quando Allah proibiu-lhes o consumo da gordura e eles preferiram se beneficiar dela através da fraude, eles alteraram a sua característica, dissolveram e venderam, consumiram o seu dinheiro e disseram - fraudando e engananando -: "Não comemos gordura, é ilícito para nós", eles tentam enganar a Allah mas é Ele quem os engana.

Tradução: Inglês Francês Espanhola Turco Urdu Indonésia Bosnia Russa Chinesa Persa indiano
Ver as traduções